31 julho 2007

desejos fúteis

Eu não me importo muito de ter pouco dinheiro. Tenho o suficiente para o essencial e nunca fui muito agarrada às coisas materiais (provavelmente porque nunca senti falta de nada enquanto crescia). Mas hoje, só hoje, apetecia-me bricar ao "o que é que eu fazia de supérfluo se tivesse o dinheiro todo que quisesse". Cá vai:

- Comprava umas sandálias verde-alface que (felizmente) nunca encontrei à venda;
- Aliás, dava a minha roupa toda e pedia a alguém com gosto que me comprasse uma nova colecção, com muitos calções, vestidos e blusas giras;
- Ia ao cabeleireiro cortar o cabelo (coisa que não faço há um ano e meio);
- Ia arranjar as unhas (coisa que nunca fiz);
- Para estragar as unhas, comprava uma prancha e um fato de surf;
- Fazia sessões bissemanais de massagens;
- Comprava as malas e brincos giros todos que visse na Accessorize;
- Comprava um i-Phone;
- Comprava o meu perfume (que também já acabou há um ano);
- Comprava várias colecções de séries em DVD;
- Reservava um veleiro (com skipper) para passeios ao largo da barra de Lisboa aos Domingos, ao fim da tarde, até ao fim de Setembro, com o meu marido (desde que ele me deixasse beber champanhe, senão ficava em terra!);
- E, finalmente, substituia o meu fiel mas já entradote automóvel por um Peugeot 207 CC 1.6 HDi 110 cinzento metalizado.

Até nem sou muito exigente, pois não?

11 comentários:

Teresa disse...

Pois é,era tão bom que fosse só estalar os deditos... aiii massagens! que bom que era! Vou ali jogar no milhões e já volto. kisses

Sonia&Mi disse...

Nada exigente mesmo :D
Foste até bastante comedida eehehehe


beijos linda!

Rita disse...

até não...
Vou postar sobre isso no meu blog, daqui a pouquinho. Acho um tema interessante. "O que fazia se tivesse muito muito guito?"

Rita&Tiago

Margarida disse...

Oh nem queres nada de mais!! Eu tenho um Peugeot, mas o 206 CC :) E eu se tivesse mto dinheiro só queria dar-me ao luxo de comprar 2 cadeiras auto, para n ter de andar sempre a mudá-la de carro :P

Maçanica disse...

Eu ando numa fase tão pouco comedida e a um passo de ter um mega empréstimo para pagar em 36 anos que nem tenho coragem para dizer o que queria se tivesse muito guito!!!
Mas queria tanta coisa!!!
Ah e tal mas tudo se leva com saúde e não sei quê!!! Isto é o que no ensinam a dizer... e fica sempre bem!!! LOL
Mas que eu queria muita coisa, queria!!!
Beijocas

Inesa disse...

Confesso que partilho contigo muitos desses desejos fúteis. Mas além desses tenho muitos outros, bastante comedidos, também. Sabes que não sou rapariga de grandes extravagâncias (sou mais apologista da quantidade que da qualidade).
Mas com o tempo, lá chegarei - menos que rica e mais que remediada - a acomodada!
I.

Luna disse...

nap só um bocadinho, hehe
ora belo desafio nem penses em dar-mo pq já tenho 2 para fazer, hehe
bjos
Luna

Ana disse...

Muito, mas muito comedida!
Posso-te dizer que eu sou muito menos comedida... comprava uma casa bom longe de com quem tenho discussões mentais, e contratava umas quants pessoas para baterem no carro deles num semáforo quando me viessem visitar (hoje estou irritada não ligues)!

Beijocas ENORMES :*****

catita disse...

ana (a ultima ana): faço tuas as minhas palavras!!!! (ai sogrinha, sogrinha!!!)

Ana Rita disse...

Nada mesmo... "gaija que é gaija" tem todo o direito à sua futilidadezinha! Ainda se quisesses ter um barquito daqueles que custam 900 mil euros... lol... lol...

Mariana disse...

bem até me identifico com muitos dos desejos eheheh
até a parte de ir ao cabeleireiro...
há quase um ano que lá não vou ui ui

Mariana e Maria
www.coisasdemae.eu