11 dezembro 2010

a título de advertência

Caso alguém sem filhos ainda desconheça este detalhe importante, saiba que a parte pior (de ter filhos) é sem dúvida quando estão doentes. É assim uma mistura explosiva entre angústia, impotência, e um cansaço comparável ao de um remador de galés. Mas que tem de conseguir cantar o The Wheels on the Bus a compasso com as remadas, enquanto esboça o sorriso possível.

5 comentários:

Ana C. disse...

gralha se há alguém que entende este teu post, esse alguém sou eu.
Tens aqui uma alma gémea nessa tarefa de fazer malabarismo com 20 bolas, enquanto faz o jantar, cantando uma música a um, atendendo os pedidos de outro, depois de várias noites mal dormidas e preocupação.
Cada vez chego mais à conclusão que enquanto houver saúde tudo o resto se compõe...
As melhoras e força!

A mãe que capotou disse...

Advertência util, verdadeira e bem ilustrada. Parabéns e as melhoras. Rapidas.

Rita disse...

são os dias mais longos das nossas vidas :((( forçaaa! bjos

A mãe que capotou disse...

Fiz um post sobre este tema doentio e como tive preguiça de escrever esta parte, fiz um link para aqui, ok?

Margarida Atheling disse...

É verdade!
O Inverno passado, houve uma altura (longa) em que me senti esmagada... mas conseguimos remar até ao destino, mesmo que custe e o percurso nos pareça infindável!
Força e um beijinho (para além das melhoras do(s) pequeno(s)!