08 agosto 2012

como se não estivesse calor que chegue hoje


Gosto muito dos Jogos Olímpicos. O meu pai acordou-me na madrugada de 12 de Agosto de 1984 para eu não perder o Carlos Lopes a conquistar-nos o primeiro ouro. Desde então, fiquei com o bichinho. Bem sei que está tudo comercializado, vendido a interesses corporativos, pintando ideais de justiça e igualdade de oportunidades que não revelam diferentes níveis de investimento, dopagens administradas até aos limites regulamentares, e rivalidades cegas que alimentam muita fornalha de horas e horas de treinos até aos limites da dor e da resistência. Mas eu sou só humana, talvez até um bocadinho neardental: gosto de ver a nossa espécie a dar o máximo das suas capacidades físicas e anímicas. E gosto de ver isto, ah pois gosto. Desportos aquáticos, a que é que pensavam que me referia?





7 comentários:

Té F. disse...

Que OLHOS! O 1º :)

Naná disse...

Eu digo sempre que não vou ligar aos jogos olímpicos, mas se começo a ver fico como que hipnotizada!

Fico espantada com as capacidades físicas que o ser humano pode alcançar... seja nos desportos aquáticos ou na ginástica!

Melissinha disse...

ahhhh, post de verão,pá!

margarida disse...

Eu ADORO os jogos olímpicos. Aliás, nem tinha noção que gostava tanto até dar comigo a gravar as provas para ver mais tarde. É Natação, saltos para água, natação sincronizada, salto à vara, 100m, 200m.. eu sei lá! Uma verdadeira emoção de desporto e corpos da antiga Grécia.

gralha disse...

Acho que vou passar o dia todo a abrir o blogue só para sorrir mais um bocado. Ainda não enjoei.

gralha disse...

Tanto dia para escrever sobre isto, e tinha de ser logo quando o pessoal acordou todo para os JO... Não mais adiarei posts!

ouvirdizer disse...

Não ligo a mínima aos Jogos Olímpicos. Nada, rien de rien. Mas outro dia lembrei-me de ti, na eminência de uma medalha no remo...
Chego a não perceber a magia dos Jogos... o R. diz que a explicação está no meu porte atlético... tão parvo, pá! Ahahahahah