27 março 2014

duas dúvidas e meia

Não existe ninguém no mundo que alguma vez siga alguma receita exactamente à letra, pois não?

E é absolutamente normal que, independentemente dos nossos hábitos de compras de produtos alimentares (mensais/ semanais/ diários/ quando apetece um chocolate), acabe sempre por faltar um ingrediente, não é?

Ingrediente este que se consegue sempre substituir por outro, certo?

13 comentários:

Naná disse...

Eu sou uma miséria a seguir receitas à risca... sou uma tremenda aldrabona!

Melissinha disse...

Sempre.

disse...

A não ser que queiras fazer omeletes! De resto arranjas sempre uma alternativa ;)

Também sou uma grande aldrabona (gostei deste termo da Naná) :)

Ana. disse...

É pá, depende do ingrediente! Vai que queres fazer carne de porco à alentejana e não tens ameijoas?! Já não é carne de porco à alentejana!
humm...

gralha disse...

Mau, mau, mau, Ana. Estás a estragar-me aqui os argumentos (sim, que isto começou numa discussão familiar, claro). Se não houver ameijoas, faz-se com umas batatinhas, um pimento aos cubinhos e temos uma óptima carne de porco à mexicana (que são alentejanos com um chapeu maior).

Exactamente, Té.

Sempre (menos com ovos), Melissa.

Naná, eu acho que isso acontece a QUALQUER pessoa que cozinhe regularmente (e que não seja bimbodependente).

Rita Camões disse...

Sempre!
Numa receita (menos as omeletes, tortilhas e afins) que leve 2 ou 3 ovos, dá para os substituir assim; por cada ovo misturar uma colher de sopa de água com uma colher de sopa de amido de milho (maizena) :)

gralha disse...

Ah, grande Rita Camões, és cá das minhas :)

Ana. disse...

Pois, está bem, mas se não tens ameijoas não podes dizer com propriedade que fizeste carne de porco à alentejana! Fizeste outra coisa qualquer. Por isso, não, que me desculpem as meninas desenrascadas, mas nem sempre há substituto sem alterar o resultado final!
Quer dizer, imagina fazer bacalhau à brás sem cebola ou batata!! Sim, já sei que se pode substituir por alho francês , mas já não é bacalhau à brás!

G&Tec disse...

Ahhh GRANDE Ana! Até decidi publicar aqui um comentário! Alguém que me apoia!!!!

gralha disse...

Não sei quem és, G&Tec, mas não és certamente o meu marido (ele saberia que uma afirmação deste género daria direito a ficar sem comer, com ingredientes trocados ou não, durante uma semana).

G&Tec disse...

Só me fazia bem. Emagrecia um bocado... E ingredientes trocados já tu utilizas... Como por exemplo utilizar aquele wiskey óptimo em vez de vinho branco para cozinhar...

Amigo Imaginário disse...

Eu conto sempre com os vizinhos, nao tenho vergonha nenhuma de ir bater à porta ao lado ou de dar um pulo ao galinheiro mais proximo... :)

amigos das onze horas disse...

Ui, cá em casa isso acontece com tanta frequência também:)