03 março 2009

living on the edge

Para além da nostalgia dos anos 90 que esta música evoca, sou só eu que me sinto tentada a viver sempre nos limites?

3 comentários:

Vera disse...

Se te referes ao 8 ou 80... hummm não gosto mas às vezes sou um bocado assim. De facto, o meio termo será sempre o mais adequado, mais saudável, mais seguro.

Agora, se te referes ao limite da balança, já estou um bocado farta, LOL!

Inesa disse...

Cá eu, fujo dos limites até demais...

Nuno Andrade Ferreira disse...

Por viver sempre nos limites queres dizer pisar a linha sem nunca a ultrapassar?