10 fevereiro 2012

sim, é possível

Uma das consequências de gostar mesmo do trabalho que fazemos é a diminuição do apelo da blogosfera. Facebook, então, nem vê-lo. Gosto das mesmas pessoas mas perco-me menos à procura de outras coisas quando há tantos textos lindos para editar, tantos erros absurdos para corrigir (e autores para insultar), tanto htmlzinho cheio de bugs para exterminar. A alegria no trabalho é uma coisa bonita. E até me esqueço que nunca hei de chegar a rica, por este caminho. Quero lá saber.

8 comentários:

sofia disse...

:)

DNC disse...

Que inveja... (a minha...)

Naeem disse...

I’d have to check with you here. Which is not something I usually do! I enjoy reading a post that will make people think.i have a best Medical Transcription company Also, thanks for allowing me to comment!

Melissinha disse...

:D yaaaa

Nota-se logo quando eu estou a traduzir ou a escrever pela minha presença no bu.

Melissinha disse...

Daqui a bocado vem a Cê ou o Joanão dizer: "não, Melissa, não se nota". Mas será pura implicância.

Vera Dias António disse...

deve ser por isso que há dias em que consigo correr blogs 7 horas seguidas, com intervalo para almoço, ahahahah
esta semana não, que estou de férias e venho á para fugir aos apelos da vida doméstica, ahahahahah
já me questionei como levo um dia para fazer coisa que, quando trabalho, também faço... devo arrastar-me mais, é isso!
beijos amiga e ainda bem que estás feliz no trabalho, é muito bom!

Vera Dias António disse...

deve ser por isso que há dias em que consigo correr blogs 7 horas seguidas, com intervalo para almoço, ahahahah
esta semana não, que estou de férias e venho á para fugir aos apelos da vida doméstica, ahahahahah
já me questionei como levo um dia para fazer coisa que, quando trabalho, também faço... devo arrastar-me mais, é isso!
beijos amiga e ainda bem que estás feliz no trabalho, é muito bom!

triss disse...

que sorte:-)