06 março 2012

ainda a propósito das palavras

Não é por me escaparem, atrevidas e insurrectas, que não as valorizo. Quando paro um pouco e consigo guardá-las cá dentro lembro-me de como gosto de apreciar as artes visuais e de tudo o que fala sem língua nem letras. De seguida, dá-me de novo vontade de ter uma máquina fotográfica de jeito. Não sendo isso possível, venho para aqui escrever mais inutilidades.

Hoje começo o curso de escrita criativa. Estou cheia de vergonha. Detesto primeiros dias de aulas. Detesto apresentações. Se me perguntarem por que estou ali, fujo pela porta fora. Tenho de praticar o meu ar introspectivo ao espelho antes de sair de casa. E desenhar umas olheiras a kohl, pelo sim, pelo não. Será que devia começar a fumar?

3 comentários:

Melissinha disse...

Tinha escrito um conselho, o blogger impediu-me de o publicar, encararei a coisa como um sinal.
Bom curso, Gralhinha!

Vera Dias António disse...

Vi há tempos um no iscte mas já tinha passado... Imagina que nos inscreviamos no mesmo e nos encontrávamos à porta a perguntar onde era a sala e iamos de mão dada (ahahahahah) e ficávamos amigas para sempre?!!!! Era giro!

Rita disse...

tas a tirar onde? bjo