25 janeiro 2013

forever five

Estou a comer a porcaria do peixe que trouxe para o almoço (feito por mim, óbvio), a fazer bola, a não saber onde esconder a bola porque estou no local de trabalho, e as lágrimas vindo-me aos olhos, reminiscências de quando tinha de emborcar toda a sopa de nabiças, as ovas, a pescada frita, a cenoura cozida, as couves de bruxelas, a jardineira, os carapaus grelhados,a  corvina estufada com ervilhas, e podia ficar para aqui o resto da tarde a explicar por que é que aos 8 anos ainda pesava 20 quilos. 33 anos e não ouso quebrar as leis da nutrição-ou-sei-lá-o-quê, em vez de ir comprar um croissant com chocolate.

15 comentários:

Rita Maria disse...

Eu também comi o meu almoço todo que não era grande coisa e bebi iogurte para ver se resistia à tentação de ir atrás de uma sobremesa mas depois uma colega ia ao McDonald's e cravei-lhe uma tarte de maçã... :(

Maria Bê disse...

ADORO as tartes de maçã do McD e bem pena tenho que as de cá sejam uma porcaria (e mornas). Quando era miúda a minha mãe torturava-me com mioleira e umas sopas horrorosas que me deixavam enjoadíssima (a mulher cozinha bem mas não consegue fazer uma sopa -- isto é uma tragédia!!!).
Cá em casa tento que comamos bem e agora anda numa de cozinhar vegetariano, lasagna de beringela, feijões refried, e chilli, por exemplo. Ai a fome que me está a dar...
Um sorriso!

Ana C. disse...

Pobre gralha-que-odeia-peixe. Eu só me reconciliei com o peixe muito tarde na minha vida.
Ter que emborcar pescada cozida, como se não existissem mais formas de se cozinhar peixe, traumatizou-me com o bicho.
Hoje em dia, adoro salmão cheio de limão e ervas, grelhado. Mas pouco mais. Como-o sempre "porque faz bem"

Carla R. disse...

Cheguei aqui a pensar uma coisa e agora, com os comentarios fiquei sem saber de que terra era.

Tinha percebido que estavas triste porque estavas a comer uma coisa saudavel que não te apetece e querias era comer um croissant com chocolate e não conseguiste por causa de ... ai, não percebi nada.

Queres ou não queres que te traga alguma coisa da boulangerie ? Vou agora buscar os meus filhos e sassim como assim, fica-me em caminho. A este hora deve haver chouquettes, pain ou chocolat e croissants simples a sair do forno, interessa-te alguma coisa ou não ?
Ah, e viennoisseries também com chocolate ou açucar por cima - é isto ?
Comer saudavel é muito bonito, mas as regras são para ser quebradas de vez em quando. Alivia, alivia.

ouvirdizer disse...

Ao contrário de ti, não, ao contrário não: ao dobro de ti, aos 8 anos pesava una 40kg, ahahahahah (o pior é que não é a brincar) porque tanto como peixe cozido com brócolos como um croissant de chocolate, ou ainda, os dois ao mesmo tempo. É que seja saudável ou não, sempre marchou tudo muito bem...

Naná disse...

Por mim comia peixe assado todos os dias... mas alguém teria que o fazer!

Só gosto de pescada no forno com alho aromático ou muito alecrim!

Carla R. disse...

Caril de peixe com leite de coco !!!

Carla R. disse...

Vol-au-vent de peixe !!!

Carla R. disse...

soufflé de peixe !!!

gralha disse...

Em defesa do peixe: sushi. Salmonetes grelhados na minha praia, vá. De resto, alimentem-me a bagas e frutos secos e serei feliz.

p.s. A minha querida mãezinha fez-me hoje muqueca - redimiu-se.

gralha disse...

Ah, e Rita Maria e Carla: passei a manhã a comer bolinhos de coffee-break. Saudável ma non troppo.

Melissinha disse...

Reconciliei-me com peixe no ano passado.

margarida disse...

Quem em tira um peixinho grelhado tira-me tudo, mas só o cheiro do peixe aquecido depois no microondas, BLHEC! Façam-me uma omelete de peixe ou o que for, mas aquecido, é mesmo a tal bola que não anda nem para trás nem para a frente.

gralha disse...

É verdade, Margarida. Esta coisa de se comer todos os dias comida requentada também não ajuda.

Rocio disse...

Coisas muito bonitas se pode encontrar na internet por isso é sempre bom ter este tipo de tablet para ler enquanto você está comendo algo restaurantes muito relaxado em restaurantes em moema