10 junho 2014

a parcimónia na reacção

Não é novidade nenhuma dizer que há alguma coisa de muito português, portuguezinho até, na expressão moderada de humores e de amores. É isso e aquela coisa de nuestros hermanos aclamarem a tourada de morte, enquanto nós disfarçarmos a chacina com uns volteios a cavalo e sisudas pegas de caras. Aquilo que me desperta a curiosidade são as diferenças individuais, e não as (supostamente?) culturais na forma como reagimos, nas sentenças que proferimos.
Por que é que há pessoas que, gostando muito de um livro, lhe dão cinco estrelas no Goodreads, enquanto outras, reconhecendo apreciação semelhante, não dispensam mais de três? O que está por trás da esferográfica da professora que caligrafa um Satisfaz -, ao passo que a colega avalia o mesmo trabalho com um Não Satisfaz +? Não se trata do princípio do copo meio cheio ou meio vazio, que não faltam por aí optimistas avarentos nem pessimistas generosos. É um prazer na emoção do gostar, em si, que toca a uns mais do que a outros. E o inverso, um gosto perverso pela proclamação de ultrajes e desilusões, combustível de discussões apetitosas e confrontos mais ou menos amigáveis. Eu, exagerada, me confesso. Deve haver muita imaturidade e ignorância nas minhas reacções excessivas. Ainda assim, entre o apatetado entusiasmo juvenil e o sábio comedimento ancião, deixem-me cá dar mais umas voltas de montanha russa enquanto o permitir o vigor do miocárdio.

6 comentários:

Melissinha disse...

Fist bump, irmã de extremos!

Carla R. disse...

Aaaaaaaaahhhhhhh !!!!!
Adorei !!!!!
Amei este post !!!!!!

Quando voltar vou construir uma nova biblioteca : pintada de ouro para os livros cinco etrelas, os outros vou dar : o que gostei assim assim e os que detestei de odio !

gralha disse...

:) Melissinha

Carla R., tu és a rainha dos exageros, perante ti me vergo.

E hoje, só para contrariar, dei quatro estrelas e um que podia ter cinco (O Retorno). Porquê? Acho que lhe faltou o factor empatia. Só dou cinco estrelas aos livros que foram escritos "para mim".

Melissinha disse...

Eu dou cinco estrelas a quase tudo que acabo.

Quando me encontrares disse...

Pois eu tenho 5 estrelas para dar ao que estou quase, quase a acabar, que me faz repensar todas as outras 5 estrelas que já dei...

gralha disse...

Quando me encontrares, depois partilha qual é (ou então o teu perfil de Goodreads).