23 abril 2010

olá lisbooooaaaaa!

Uma gralha está bem longe de ser um rouxinol mas a verdade é que o meu pinto mais miúdo adora ouvir-me cantar. Aproximo-me a passos largos da realização do meu sonho mais impossível, que é cantar num palco gigante, num daqueles mega-concertos, e ter o público todo a vibrar com o grande show que estou a dar (claro que também danço como a Beyoncé neste sonho, mas com umas coxas mais delgadinhas). Não tenho milhares de pessoas a assistir mas já é muito bom um bebé sorridente, que palra em coro e acaba por adormecer se escolher os temas certos. Principalmente nesta fase da vida, em que adormecê-lo é uma das maiores realizações diárias.

4 comentários:

sophia baunilha disse...

Acho que uma das recordações mais doces que se pode ter é a de uma mãe que canta.

VDA disse...

Eu também canto e os mais velhos partem-se a rir...LOL
As avós é que são profissionais a adormecê-los a cantar, mas os temas nao variam do "13 de Maio na cova da iria" e eles parecem gostar, tanto que hegou a ser uma das primeiras canções que o amadeu traulitou, lol

Luna disse...

meu mais velho, era assim adormecia rapaz dava luta, mas lá acabava por vence-lo.
bjocas

Sónia e MI disse...

Oláaaaaaaaaa
:D
canta sim, que de certeza isso te faz feliz eheheh