23 novembro 2010

o meu cão está doente e eu estou longe

O Matias está internado, a soro, depois de uma grande reacção alérgica o ter deixado muito mal.
E eu estou aqui.
Nestas alturas não tenho 31 anos, não sou mulher nem mãe, profissional ou aspirante. Sou só uma menina com muita vontade de ficar em silêncio, abraçada ao meu cão, a rezar para que tudo passe depressa. Mas estou aqui. E ele está sozinho.
Só quem tem cães pode compreender.

7 comentários:

sophia baunilha disse...

Oh Gralha. Coitadinha. Fiquei com o coração apertado só de pensar, imagino o teu.
Um beijinho pra essa menina e esta mulher e espero mesmo mesmo que ele fique bem e que tenha quem lhe dê muitas festinhas.

Margarida Atheling disse...

Compreendo sim! Muito bem, mesmo...!
E por isso, deixo-te um abraço apertado, mesmo que as outras pessoas não compreendam.
Mas se é uma reacção alérgica, vais ver que ele vai ficar bom num instante!
As melhoras do Matias e beijinhos!

Gaivota disse...

:(

gralha disse...

Já está melhor e já está em casa :)
Obrigada a quem deixou aqui uma mensagem de apoio.

mm disse...

Também tive cães e é mesmo triste não os podermos acompanhar como com as pessoas.
Ainda bem que já está melhor.

Costinhas disse...

ia desejar que tudo corresse bem, mas já vi que já passou tudo. Que bom :)

Beijinho!

Sara MM disse...

Ooooohhh... mas deve melhorar, é o que importa... e lá estará, louco de alegria, qd te vir novamente!


Bjss e melhoras!